.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

segunda-feira, janeiro 30, 2006

Senado homenageia Juscelino Kubitschek

Amanhã (31), o Senado homenageia a passagem dos 50 anos da posse de Juscelino Kubitschek na Presidência da República. A homenagem foi requerida pelo senador Paulo Octávio (PFL-DF).
Nascido na cidade de Diamantina (MG), em 12 de novembro de 1902, Juscelino Kubitschek foi um dos presidentes mais populares do Brasil.
Ainda jovem, saiu de sua cidade natal e foi para Belo Horizonte continuar os estudos. Lá,diplomou-se como médico e casou-se com D. Sarah Luiza Gomes de Lemos.
Sua trajetória política teve início em 1934, quando foi nomeado chefe de gabinete do interventor federal em Minas Gerais, Benedito Valadares. No mesmo ano, foi eleito deputado federal e, em 1939, foi nomeado prefeito de Belo Horizonte.
Em 1946, Juscelino Kubitschek iniciou seu segundo mandato como deputado federal e, quatro anos depois, foi eleito governador de Minas Gerais.
Sempre associado à imagem de um político preocupado com a modernização e a industrialização do país, JK foi eleito presidente da República em 1955. Com um plano de metas intitulado "50 anos em 5", Juscelino Kubitschek priorizou a expansão industrial e urbanística brasileira. Mas foi a construção de Brasília o maior feito do presidente JK.
Preocupado em levar o desenvolvimento ao Centro-Oeste do Brasil, Juscelino Kubitschek convocou milhares de homens para trabalhar na construção da nova capital do país. Com o projeto urbanístico de Lúcio Costa e obras arquitetônicas de Oscar Niemeyer, Brasília foi inaugurada por JK em 21 de abril de 1960.
Em 1961, já no final de seu mandato como presidente, Juscelino Kubitschek foi eleito senador pelo estado de Goiás, mas, em junho de 1964, teve seus direitos políticos cassados pelo regime militar. Em exílio voluntário, JK morou na Europa e nos Estados Unidos.
Em 22 de agosto de 1976, Kubitschek morreu num acidente de carro, na Rodovia Presidente Dutra.
As informações são da Agência Senado.
Rádio Senado também presta sua homenagem a JK

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home