.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

sábado, agosto 19, 2006

Paraguai: Reais falsos poderiam ser de narcotraficantes de São Paulo

Notícia da edição de hoje (com foto) do jornal ABC Color, do Paraguai:
Creen que reales falsos eran para narcos de São Paulo
PEDRO JUAN CABALLERO (Cándido Figueredo, de nuestra redacción regional). Los 4.244.000 reales falsos -unos 9.761.200.000 guaraníes- e incautados el pasado jueves en esta ciudad tendrían como destino la ciudad brasileña de São Paulo, en donde una parte de los billetes iba a utilizarse en centros comerciales y la otra por los traficantes de drogas.
Los intervinientes inspeccionan los billetes de reales falsificados encontrados durante el operativo en Pedro Juan Caballero.
Dentro del marco de las investigaciones, la Policía maneja una serie de informaciones que apuntan a varios implicados en la falsificación de billetes y no se descarta que en los próximos días se tendrían importantes novedades al respecto, ya que -según las fuentes- varios otros implicados estarían plenamente identificados.

Para ler a notícia completa, no ABC Color, clique AQUI

Comentário do blog: A cidade de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, faz fronteira com o Brasil e fica ao lado de Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul. Recentemente, a polícia paraguaia apreendeu, ali, um grande carregamento de armas - com centenas de pistolas alemãs Luger, farta munição e até mesmo uma metralhadora calibre .50 (ponto cinqüenta) -; ontem, "Marcelinho Niterói", considerado como o braço-direito e afilhado de Fernandinho Beira-Mar, foi colocado em liberdade em Ponta Porã, depois de ter sido liberado pelas autoridades paraguaias. Agora, ocorre a apreensão de reais falsos na mesma Pedro Juan Caballero. Suspeita-se que o destino das notas falsas era São Paulo, terra onde uma organização criminosa tem levado pânico e terror aos moradores, além de queimar ônibus, matar policiais e seqüestrar trabalhadores da Rede Globo de Televisão.
O governo brasileiro espera o quê para intensificar a atuação nas nossas fronteiras? Será que ainda acham vergonhosa a ajuda ofertada pelos agentes especiais da DEA (Drug Enforcement Administration), dos estados Unidos da América, que trabalham no combate ao narcotráfico na Bolívia e no Paraguai, países que fazem fronteira com o Brasil?

Leia mais sobre repressão e prevenção ao uso e abuso de drogas, clicando AQUI

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home