.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quarta-feira, novembro 30, 2005

Promotor diz que há provas seguras da participação de Sombra no assassinato de Celso Daniel

Roberto Winder Filho, 1º promotor de Justiça do Grupo de Atuação Especial para a Prevenção e Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), que participa do inquérito para apurar o assassinato do prefeito de Santo André (SP), Celso Daniel, em 2002, disse em seu depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito dos Bingos que foram detectadas "falhas gritantes" na primeira investigação do crime.
O seqüestro de Celso Daniel foi incomum, conforme relatou o promotor, e surgiram várias contradições nas apurações e depoimentos, nas posições dos carros, entre outras.
- Essa história é mal contada. Não é uma história plausível - afirmou.
O promotor lembrou ainda os assassinatos de testemunhas que ocorreram e que uma delas morreu dois dias após depor na polícia. Ele afirmou que há provas seguras, testemunhais e documentais, que atestam a participação de Sérgio Gomes da Silva, conhecido como Sombra, no assassinado de Celso Daniel. O promotor disse também que Sombra se contradisse várias vezes em seus depoimentos.
- As provas contra Sérgio são bastante fartas e seguras- afirmou o promotor.
As informações são da Agência Senado.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home