.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quarta-feira, março 29, 2006

Relatório não estaria completo sem o nome de Lula, afirma Alvaro Dias

O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) disse há pouco à Agência Senado que o relatório final da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito dos Correios "não estaria completo" caso não fosse citado o nome de autoridades maiores, incluindo o do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
- A corda não pode sempre arrebentar do lado mais fraco, como é o costume no país- alertou Alvaro Dias, ao reiterar que considera "inevitável" que o nome do presidente Lula faça parte do relatório.
Já o senador Ney Suassuna (PMDB-PB) tentou amenizar a iminente citação do nome de Lula no relatório do deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR), logo que se iniciou a leitura do texto. Ele entende que tudo irá depender do contexto da citação, ou seja, "se for uma coisa simples não terá nenhum problema".
Caso surja no documento uma acusação formal, observou Suassuna, a base aliada abrirá um diálogo com as oposições, "no sentido de analisar os fatos que estão colocados como circunstâncias".
As informações são da Agência Senado.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home