.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quinta-feira, abril 13, 2006

Leia a mensagem de Páscoa da CNBB

O blog publica abaixo a Mensagem de Páscoa da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil):

Jesus Cristo ressuscitado está no meio de nós!

A Igreja celebra com grande júbilo a solenidade da Páscoa, comemorando a morte salvadora de Jesus Cristo e sua ressurreição gloriosa. Ele venceu a morte e abriu para a humanidade o caminho da esperança e da vida nova.
Com a ressurreição de Jesus, os discípulos passaram da tristeza e do desalento à alegria incontida; nos encontros com o Senhor ressuscitado, seus corações desorientados e abatidos pela dor vibraram novamente. Viram que Jesus não estava mais entre os mortos e lhes indicava novamente o caminho a seguir. Para os discípulos, isso também significou passar da morte para a vida!
A celebração pascal, ainda hoje, inunda a Igreja com essa mesma alegria. Jesus Cristo ressuscitado está com a humanidade, que ele ama infinitamente; age no meio do mundo através do Espírito Santo, inspira os corações na escolha do bem e os move a aderirem ao reino de Deus. Jesus ressuscitado assiste sua Igreja com solicitude constante: “Eis que estou convosco todos os dias, até o fim dos tempos” (Mt 28,20). Por isso a comunidade reunida em seu nome pode proclamar com firme fé: Ele está no meio de nós!
Enviada em missão para proclamar a Boa Nova, a Igreja convida todos para o encontro vivo e pessoal com seu Senhor ressuscitado, caminho, verdade e vida. Ele é a face humana de Deus, a fonte da esperança, do perdão e da paz. Ele conforta e liberta de todos os males. Ao povo que, em suas angústias e necessidades, procura Deus a Igreja continua a dizer: Vinde e vede!
Em cada domingo, os cristãos celebram a Páscoa ao redor da mesa da Eucaristia. Reúnem-se em nome de Jesus Cristo, recordam sua paixão, morte e ressurreição, ouvem sua palavra, são animados na fé, esperança e caridade, nutrem-se com o pão da vida, alimento para o serviço dos irmãos no quotidiano da vida. A Santa Missa dominical é o momento alto da vida da Igreja e sua celebração mais importante. A este encontro somos convidados a participar com alegria!
Também na Páscoa de 2006 proclamamos com renovada fé: Vinde e vede, o Senhor ressuscitado está no meio de nós! Queremos compartilhar esta Boa Notícia com nossos irmãos de fé, com os que padecem de muitas maneiras, com todas as pessoas que encontramos, de modo especial, os irmãos e irmãs com deficiência.
A Páscoa deste ano leva nosso pensamento e nossas atenções para Florianópolis, onde será celebrado o XV Congresso Eucarístico Nacional, de 18 a 21 de maio próximo, encerrando o Ano da Eucaristia para o Brasil. O tema e o lema do Congresso manifestam convicções fundamentais e muito caras à Igreja: Ele está no meio de nós. “Vinde e vede!” (Jo 1,39). Deus não deixa a humanidade abandonada a si mesma, em meio aos problemas e angústias da vida.
Portanto convidamos todos a participarem do XV Congresso Eucarístico Nacional, unidos na oração e na proclamação alegre de nossa fé.
Em nome da CNBB, desejamos a todos, feliz e santa Páscoa, com a bênção do Senhor ressuscitado!

Cardeal Geraldo Majella Agnelo
Arcebispo de Salvador (BA)
Presidente da CNBB

Dom Antônio Celso de Queirós
Bispo de Catanduva (SP)
Vice-presidente da CNBB

Dom Odilo Pedro Scherer
Bispo Auxiliar de São Paulo
Secretário-geral da CNBB

1 Comments:

Blogger celio.aranha said...

Corumbá-MS, 11 de outubro de 2008.
C O M U N I C A Ç Ã O:
Olá sociedade brasileira, meus cumprimentos! Venho por meio deste informar que tive uns trinta minutos de diálogo com Dom Bispo Diocesano da minha cidade e não senti firmeza em suas respostas sobre minha Campanha Anti-Camisinha.
Dentre outras respostas citou que a Igreja não está omitindo e que está sim pregando que o uso da mesma é anticristão, e que não vai abrir mão do aborto e da camisinha. Eu contestei dizendo: mas não é verdade, quem vai fazer uso dos mesmos são os próprios católicos. Disse também que as igrejas pregam, mas não fiscalizam Tive como resposta que não tem como fiscalizar e que vai da consciência de cada um. Perguntei se tinha assistido meus trabalhos em Dvds, disse que não tem aparelho de DVD. Ofereci um aparelho, disse que não tem TV; Ora, quer dizer um tremendo pouco caso; uma tremenda desfeita. Vou orar por todos que pensam iguais a ele, pois, o desprezo não é a mim, mas a Jesus e a Deus. Lucas 10, 16: Quem a vós ouve, a mim ouve; Quem a vós rejeita, rejeita a mim e àquele que me enviou.
Estou comunicando isso ao Brasil, para vocês não perguntarem: você consultou as Autoridades Eclesiais? Sim, consultei. Pedi uma assinatura ou um carimbo, fui negado. Falei sobre minha idéia de uma pregação no jardim público, disse que ninguém vai me ouvir. Quer dizer, não me apoiou, mas também não proibiu. Propuz a ele a doação de um exemplar do Livro Namoro, para as escolas ministrarem, também não disse sim e nem não. Estou dando a faca e o queijo, não sei o porquê não querem cortar. Disse que não ia parar com minha campanha, tive como resposta: não pare!
Não consultei no início, com medo de uma decepção, que infelizmente aconteceu agora. É o que sempre ponho em meus trabalhos: Se as Igrejas de diferentes credos, continuarem nesse silêncio, e acontecer o pior: camisinha nas escolas, as Igrejas terá que parar de pregar que o sexo só será praticado após o casamento ou a noiva terá que fazer o exame de castidade. Qual o noivo que vai acreditar na noiva, se ela conviveu todos esses anos com camisinha dentro da pasta escolar? Hoje já está difícil. A ficha ainda não caiu; ainda está em tempo. A sociedade ainda não parou pra pensar, que isso acontecendo, não podemos mais comungar, se fizermos, estamos traindo Jesus. Camisinha não é de Deus, mas do encardido. Cristo disse: meu reino não é desse mundo, quem comigo não junta espalha. Apartais de mim malditos para o fogo eterno.
Caríssimos, ponham a cabeça no travesseiro e medite no teor desse e-mail. Atenciosamente,
Mariano.

sábado, outubro 11, 2008 5:44:00 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home