.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

sexta-feira, abril 14, 2006

Morre em São Paulo jurista Miguel Reale

Morre o jurista Miguel Reale. A notícia é de Juliana Andrade e Marcela Rebelo, repórteres da Agência Brasil:
São Paulo e Brasília – O jurista Miguel Reale morreu na madrugada de hoje, aos 95 anos, vítima de enfarte, em sua residência em São Paulo. O enterro está previsto para as 16 horas, no Cemitério São Paulo, de acordo com informações da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Miguel Reale era pai do também jurista Miguel Reale Júnior, ex-ministro da Justiça do governo Fernando Henrique Cardoso.
Natural de São Bento do Sapucaí (SP), Reale nasceu dia 6 de novembro de 1910. Formado em Direito em 1934, o jurista ocupava uma cadeira na Academia Brasileira de Letras e era considerado referência no ensino do Direito no país. Foi Supervisor da Comissão Elaboradora e Revisora do Código Civil, cuja lei foi sancionada pelo então presidente Fernando Henrique Cardoso em 2002. O jurista foi secretário de Justiça de São Paulo em 1947 e em 1963. Também foi reitor da Universidade de São Paulo (USP), por duas vezes.
Além de atuar na área de Direito, Miguel Reale fundou o Instituto Brasileiro de Filosofia, em 1949, e a Sociedade Interamericana de Filosofia, em 1954.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home