.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quarta-feira, abril 05, 2006

PT vai encaminhar à Mesa da Câmara recurso contra votação conclusiva

O senador Aloizio Mercadante (PT-SP) informou, por volta das 19 horas (horário de Brasília) de hoje, que o seu partido encaminhará à Mesa da Câmara dos Deputados recurso para garantir a votação de destaques ao relatório do deputado Osmar Serraglio (PMDB-SP), aprovado pouco antes na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPI) dos Correios. A escolha da Mesa da Câmara deveu-se ao fato de que aquela Casa estava com sessão em andamento, o que permitiria acelerar o processo de recurso. Mercadante disse entender que o recurso seria repassado à Mesa do Congresso Nacional.
- É ilegítimo e ilegal, e contra o regimento, concluir a votação do relatório sem a apreciação dos destaques, como ocorre em qualquer proposição legislativa - afirmou o senador, que divulgou para a imprensa cópia de um rito de votação que lhe teria sido formulado pela Secretaria da Mesa do Senado.
O roteiro, que cita o artigo 312 do Regimento Interno do Senado, prevê que, durante a votação, podem ser apresentados requerimentos de destaque para votação em separado de parte do texto do relatório e das sugestões apresentadas durante a discussão. Aprovado o relatório, o plenário da comissão deve fazer a votação dos destaques e das sugestões de modificação. O relatório, com as eventuais modificações e destaques aprovados, torna-se o relatório final da comissão.
- Acredito que há condições políticas para se aprovar modificações no relatório. Temos interesse em pelo menos três destaques - disse Mercadante, sem especificar quais são. Ele classificou de "pouco transparentes e subjetivos" alguns critérios utilizados por Serraglio para incluir ou retirar nomes de pessoas supostamente envolvidos com o "mensalão".
Além de basear seus argumentos nas regras regimentais, o parlamentar petista lembrou um episódio ocorrido na CPI do Orçamento, em que o nome do deputado José Carlos Aleluia (PFL-BA) foi retirado por meio da aprovação de destaque.
Mercadante não quis fazer comentários sobre a atitude do presidente da CPI dos Correios, o petista Delcídio Amaral (MS), responsável pelo encaminhamento da votação do relatório nesta quarta-feira.
- Não se trata de questão partidária, mas de respeito ao regimento - disse o senador, que acusou a oposição de "interromper o diálogo" depois do entendimento que se anunciou com a reunião realizada na tarde de terça-feira (4) no gabinete do presidente do Senado, Renan Calheiros.
As informações são de Nelson Oliveira, repórter da Agência Senado

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home