.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quinta-feira, dezembro 15, 2005

Líder do PSDB critica votação que absolveu deputado Romeu Queiroz

Líder do PSDB critica votação que absolveu deputado Romeu Queiroz. A notícia é de Luciana Vasconcelos e Marcela Rebelo, repórteres da Agência Brasil (vamos citar a fonte, caros colegas):
Brasília - O líder do PSDB, Alberto Goldman, criticou a votação pelo arquivamento do processo de cassação contra o deputado Romeu Queiroz (PTB-MG) na noite de ontem (14). Para o líder, houve um acordo entre os parlamentares para não cassar o mandato do petebista mineiro. "O resultado mostra que houve uma convicção política. Deixou de ser uma votação pela consciência de cada parlamentar", acusou. Para ele, houve uma articulação do PT para salvar o mandato de Queiroz. "Eu, como líder, não oriento os deputados de meu partido, porque para mim isso não é uma matéria partidária", ressaltou.
O líder do PT, Henrique Fontana (RS), negou a existência de "acordão" e disse que o partido não fechou uma posição de bancada quanto a votação do processo contra Queiroz. "Da minha parte não tem acórdão e nem nunca terá", disse.
O nome de Queiroz estava no relatório conjunto apresentado pelas CPIs dos Correios e da Compra de Votos. O documento citava indícios contra 18 deputados federais e o ex-deputado Valdemar Costa Neto, presidente nacional do PL. O relator da CPI dos Correios, deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR), disse que respeita a decisão do plenário da Câmara e acredita que os deputados pensaram no histórico de Queiroz. "Votaram pensando no cidadão, em seu histórico e biografia", disse.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home