.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quarta-feira, abril 05, 2006

Presidente da CPI dos Correios define procedimentos para votação do relatório final

Notícia de Marcos Chagas, repórter da Agência Brasil:
Brasília – O presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos Correios, senador Delcídio Amaral (PT-MS), definiu o procedimento de votação do relatório final, marcada para começar às 17 horas (horário de Brasília).
O relatório do deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR) será colocado em votação logo que a sessão for aberta. Em caso de rejeição do relatório de Serraglio, entra em votação o substitutivo do Partido dos Trabalhadores (PT). Os relatórios, tanto do relator quanto do PT, necessitam de 16 votos para serem aprovados. Serraglio passou a tarde no gabinete de Delcídio Amaral estudando as propostas de mudanças feitas pelos petistas ao seu relatório. Delcídio Amaral defende que eventuais mudanças promovidas no relatório apresentado por Serraglio "não podem ferir a base" das investigações. "A conceituação do mensalão será mantida", acrescentou o senador petista.
Caso o relatório de Serraglio seja aprovado, o substitutivo do PT não será votado. Serão colocados em votação, então, os votos em separado que não forem acolhidos pelo relator.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home