.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quinta-feira, setembro 21, 2006

Dificuldades e burocracia da Iagro são apresentadas ao Governador em exercício


Governador de Mato Grosso do Sul, Claudionor Abss Duarte (à esquerda); recebe produtores rurais

Os produtores rurais estiveram hoje no gabinete do governador em exercício, o presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul Claudionor Miguel Abss Duarte. O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (FAMASUL), Ademar Silva Junior, o vice-presidente da entidade, Eduardo Riedel, o presidente da Associação de Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul), Laucídio Coelho, o presidente do Movimento Nacional dos Produtores (MNP), João Bosco Leal, e o produtor rural de Itaporã, Maurício Koji Saito, apresentaram as dificuldades e os entraves pelos quais os produtores estão passando.
O bloqueio da carne bovina para a exportação ocasionada pelos focos de febre aftosa em outubro do ano passado, completa um ano no próximo mês. Conforme o presidente da Famasul, Ademar Silva Junior, o prejuízo para a balança comercial do Estado nesse ano já chega a quase 23%.
Em agosto do ano passado, foram comercializados com outros países 2,35 milhões quilos de carne bovina in natura, em agosto desse ano esse número não a 140 mil quilos, uma queda de 94,12% em comparação ao ano passado.
Além de citar a dificuldade das exportações, Ademar Silva Junior voltou a pedir mais agilidade e menos burocracia nos pagamentos das taxas da Iagro. Em pelo menos 20 municípios de Mato Grosso do Sul, os produtores ainda são obrigados a ir aos bancos para pagar a Guia de Transporte de Animais (GTA). “Precisamos facilitar esse processo porque isso gera custos e perda de tempo para os produtores”, destaca, explicando que o horário dos bancos e também das Agências da Iagro é reduzido. O governador em exercício prometeu verificar os procedimentos.
Fonte e foto: Sato Comunicação

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home