.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

domingo, abril 06, 2008

Pintor Jorapimo é um dos homenageados no 5° Festival América do Sul

Divulgação/Fundação de Cultura MS

O pintor Jorapimo, 71 anos, será um dos artistas homenageados no 5° Festival América do Sul (FAS), que acontecerá de 30 de abril a 4 de maio, em Corumbá.

José Ramão Pinto de Moraes, mais conhecido como Jorapimo, nasceu em Corumbá em 1937 e começou a pintar na década de 1950. Fascinado pelo universo criado pelos mestres Gauguin e Cézanne, Van Gogh, Lasar Segall, Anita Malfatti e Cândido Portinari, Jorapimo abraçou o expressionismo que, entre outras possibilidades, busca "deformar" a figura para ressaltar o sentimento. Para dar forma às suas obras, o artista utiliza a técnica da espátula.

O Pantanal é sua grande inspiração. Jorapimo retrata a natureza e o homem que nela vive. Pinta também, com nostalgia, casarios do porto de Corumbá, barcas e pescadores. E é quando focaliza os camalotes, planta aquática que domina as vazantes e corixos pantaneiros, que o artista consegue extravasar com mais emoção o amor à sua terra.

O corumbaense já participou de diversas mostras coletivas e individuais em Campo Grande, Corumbá, Cuiabá, São Paulo, Rio Claro, Campinas e Vitória. Suas obras já foram expostas também no Japão, Alemanha, Estados Unidos, Paraguai, Bolívia e Uruguai.

Jorapimo é um dos fundadores da Associação Mato-grossense de Artes (AMA). Segundo a crítica de arte Aline Figueiredo, Jorapimo foi o introdutor da pintura moderna no Estado. "Quando o conheci, em 1965, ele já fazia uma pintura expressionista, de colorido vibrante, amplas superfícies de cores chapadas, cujas texturas dos golpes de espátula constituíam então a sua novidade. Ele sempre foi um entusiasta, um pioneiro agindo sozinho e contribuindo para incrementar a arte corumbaense. É presença importante na vida cultural da cidade", afirmou.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home