.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quinta-feira, novembro 10, 2005

Ouça entrevista que economista Vladimir Poleto deu a VEJA sobre dólares para PT

Ouça entrevista que economista Vladimir Poleto deu a VEJA sobre dólares para PT. Este é o título que a revista Veja publica na sua edição on line, comprovando o que foi publicado pelo repórter Policarpo Júnior. Leia abaixo a transcrição da entrevista feita com Vladimir Poleto, já mostrada também, nesta tarde, no plenário da CPi dos Bingos, em Brasília, como já noticiado em postagens anteriores, aqui no blog:

Ex-assessor de Palocci disse ao repórter Policarpo Júnior, de VEJA, que transportou caixas de bebidas com dinheiro, ao contrário do que relatou à CPI.

Áudio da entrevista
VEJA de 2/11/2005: Campanha de Lula recebeu dinheiro de Cuba
O economista Vladimir Poleto, em depoimento à CPI dos Bingos nesta quinta-feira, disse que não autorizou VEJA a gravar entrevista com ele e que, se alguma gravação foi feita, o conteúdo não corresponde à verdade. O repórter Policarpo Junior entrevistou Poleto em Ribeirão Preto. A conversa, que começou na sexta-feira (21 de outubro) e estendeu-se pela madrugada de sábado (22 de outubro), durou em torno de quatro horas. Neste tempo, Poleto narrou em detalhes sua viagem de Brasília a São Paulo, na qual transportou as três caixas de bebida que continham – segundo ele próprio – 1,4 milhão de dólares. Depois da conversa, Poleto concordou em gravar um rápido depoimento no qual resumiria os pontos principais. Eis a íntegra desse depoimento, em cuja introdução o repórter Policarpo Junior, de VEJA, esclarece que era "madrugada de sábado" e que estava diante do entrevistado, num sinal óbvio de que a gravação - ao contrário do que Poleto disse aos senadores da CPI - foi feita com seu consentimento:
(As principais partes estão em negrito):

Veja - Hoje é madrugada de sábado. Estou aqui com Vladimir Poleto. Vladimir, você transportou dinheiro para o PT na campanha de 2002?
Poleto - Não, absolutamente não.
Veja - Mas há o episódio de que você - a gente já apurou - que você trouxe de Brasília para São Paulo caixas supostamente contendo bebidas e que havia dinheiro...
Poleto - Que eu saiba não.
Veja - O que vc sabe?
Poleto - A única coisa que eu sei é que eu peguei um avião de Brasília com destino a São Paulo com três caixas de bebida, só isso.
Veja - Depois que você fez esse transporte você descobriu que... Foi informado do que efetivamente tinha dentro destas caixas...
Poleto - Depois de todo o acontecimento, sim.

Veja - E o que tinha dentro dessas caixas, segundo te disseram?
Poleto - Uma coisa é o que me dizem outra coisa é a realidade...
Veja - E o que te disseram?
Poleto - Que tinha dinheiro numa das caixas. Só isso.
Veja - Quem disse isso?
Poleto - Ralf Barquete.


Veja - Como você se sentiu sendo usado para fazer esse transporte.
Poleto - Um absurdo, um absurdo. Eu estive em Brasília para resolver problemas ligados diretamente, não só a minha questão pessoal, mas a outros encaminhamentos, alguns processos de enchentes, no ministério diretamente responsável e vim saber depois que acabei transportando alguns pacotes e num deles havia dinheiro. Só isso!
Veja - Você se sentiu usado?
Poleto - Lógico. Evidente. Isso é um descalabro!

Veja - Quanto tempo depois do episódio você ficou sabendo disso, que era dinheiro ao invés de bebida.
Poleto - Depois que eu ganhei uma garrafinha de Havana Club, que me foi presenteado, me falaram. Só isso!
Veja - Qual o valor que foi falado?
Poleto - É...
Veja - Segundo a informação que eu tenho, o valor transportado teria sido 3 milhões de dólares.
Poleto - Não. O valor que me disseram era 1 milhão e 400 mil dólares.


Para ler a transcrição da gravação da entrevista completa, no site da revista Veja, clique AQUI

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home