.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quarta-feira, novembro 30, 2005

País quer decisão sobre José Direu, diz Virgílio

País quer decisão sobre José Direu, diz Virgílio
Votação ocorrerá hoje à noite com respaldo do STF
Brasília - O líder do PSDB na Câmara, Arthur Virgílio (AM), elogiou há pouco a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que permite a manutenção do julgamento do pedido de cassação do deputado José Dirceu (PT-SP) no plenário da Câmara para a noite de hoje. "Com a correção que se imagina daquela Casa, a Suprema Corte decidiu manter o julgamento", declarou o tucano.
CONTEXTO POLÍTICO
O senador considerou importante o fato de o STF não criar obstáculos para a definição sobre o destino político do ex-homem forte do governo Lula. "Nada mais justo que Dirceu possa se defrontar hoje com a opinião que seus pares fazem de sua atuação política", afirmou o líder. Para Virgílio, o país precisa de uma decisão sobre a inquietação que aflige os brasileiros. "Essa inquietação tem um nome: José Dirceu", sentenciou. A deputada Zulaiê Cobra (SP) também destacou a importância de a Câmara decidir o futuro do petista. "Estamos analisando o contexto político do comportamento de Dirceu. Não podemos nos prender somente nos aspectos jurídicos", defendeu Zulaiê. Para a vice-líder do PSDB na Casa, Dirceu tem de ser cassado hoje, sem adiamentos.
Já o deputado Carlos Sampaio (SP), titular do Conselho de Ética, defendeu a atuação do conselho durante o procedimento de cassação de Dirceu. "Não temos errado com freqüência. Quem tem perdido recursos com freqüência é ele", lembrou Sampaio, ao referir-se aos dois recursos que o petista perdeu no Conselho de Ética, aos dois na Comissão de Constituição e Justiça da Casa e aos dois mandados de segurança no STF. "O conselho tanto tem agido corretamente e de acordo com a Constituição que Dirceu vai ser julgado hoje", destacou o tucano. Para ele, a decisão da Corte foi correta.A votação no STF terminou em seis votos a cinco a favor de Dirceu, após o voto de desempate do ministro Sepúlveda Pertence. Contudo, o presidente da Corte, ministro Nelson Jobim, propôs que o processo não voltasse à fase de oitiva das testemunhas de defesa do petista, mas apenas que o testemunho de Kátia Rabello, presidente do Banco Rural, fosse excluído do relatório do deputado Júlio Delgado (PPS-MG). Jobim disse ainda não ser necessária a redação de novo parecer. Assim, Delgado lerá seu parecer em sessão marcada para às 19h no plenário. Dirceu será cassado se pelo menos 257 dos 513 deputados votarem a favor do texto do relator.
Fonte: Agência Tucana

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home