.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

terça-feira, novembro 29, 2005

Assessor de Palocci nega relação comercial com ex-funcionários da prefeitura de Ribeirão Preto

Assessor de Palocci nega relação comercial com ex-funcionários da prefeitura de Ribeirão Preto. A notícia é de Priscilla Mazenotti, repórter da Agência Brasil:
Brasília - Em depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Bingos, o assessor especial do Ministério da Fazenda Ademirson Ariovaldo da Silva negou hoje que tivesse qualquer tipo de relação comercial com três ex-assessores do ministro Palocci: Vladimir Poleto, Rogério Buratti e Ralf Barquete, morto no ano passado. Eles foram assessores de Palocci na prefeitura de Ribeirão Preto.A quebra de sigilo telefônico de Poleto e Barquete mostra que as ligações entre os dois, além de Buratti e Ademirson Ariovaldo, se intensificaram na época da renovação do contrato da multinacional Gtech com a Caixa Econômica Federal. Ademirson, no entanto, negou a acusação. "Nunca tratei de negócios e nunca tratei do assunto Gtech com Ralf, Vladimir ou Rogério", disse. A Gtech é responsável pelo sistema de loterias da Caixa.
Na quebra de sigilo de Poleto, aparecem mais de 1,4 mil ligações feitas e recebidas por Ademirson. Ele se defendeu dizendo que tem uma relação de amizade com Poleto e que as ligações foram de cunho pessoal. "Nunca tratei de quaisquer outros assuntos que não esse", disse.
Ademirson Ariovaldo afirmou que conheceu Rogério Burati durante a primeira campanha de Palocci à prefeitura de Ribeirão Preto. "Hoje estamos distanciados. Temos uma relação normal. Às vezes, ele telefonava e pedia para falar com o ministro. Eu anotava e passava o recado depois", informou Ademiron aos senadores.
Com Ralf Barquete e Vladimir Poleto, Ademirson Ariovaldo disse que tinha uma relação de amizade. Ele afirmou que, algumas vezes, as ligações eram para ele, outras, para o ministro. Nesse caso, o procedimento padrão era anotar o recado e transmitir ao ministro depois. Ademirson negou que tivesse tido qualquer influência na marcação de audiências com Palocci no ministério.
Ele negou também que tenha tido conhecimento do suposto envio de dinheiro do governo cubano para a campanha do presidente Lula, em 2002.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home