.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quinta-feira, maio 01, 2008

André afirma a empresários que MS é o melhor lugar para se investir no Brasil

recurso

Nova York (EUA) -O governador André Puccinelli disse, na tarde de hoje, em Nova Iorque, durante palestra no Fórum das Américas, que Mato Grosso do Sul é um dos melhores, se não o melhor, destino para o seu investimento no Brasil.

O governador falou para mais de 200 investidores, no Fórum “Brasil, 27 Estados, uma Nação”, evento promovido pela América’s Society and Council of the Americas e a Columbia University, de Nova Iorque. Os governadores do Rio Grande do Sul, Yeda Crusiuos; de Santa Catarina, Luiz Henrique da Silveira; de Tocatins, Marcelo Miranda e do Amapá, Waldez Góes, também participaram do evento.

Logo depois da palestra, o governador almoçou com o embaixador do Brasil, Antonio Patriota, com o empresário Mario Garnero, com a CEO de uma das maiores indústrias de cosméticos do mundo, Georgete Mosbacher, da Borghese Inc. Co Susan Segal, diretora do Council of the Américas e um grupo de empresários americanos.

André Puccinelli disse que a soma de um conjunto de fatores geográficos, humanos, logísticos e ambientais, aliada à determinação do governo de trabalhar em parceria com quem investe e produz, está atraindo para o Estado empreendedores das áreas siderúrgica, de celulose, de agroenergia e indústria de alimentos.

O governador distribuiu material de divulgação de Mato Grosso do Sul e disse que o Estado atrai investimentos porque é bem localizado, fica ao lado dos mais industrializados e populosos centros consumidores do Brasil e faz fronteira com a Bolívia e o Paraguai, ligando-se à Argentina e ao Uruguai pela hidrovia formada pelos rios Paraguai e Paraná.

Mato Grosso do Sul tem muito espaço para produzir alimentos e agroenergia para atender as necessidades do mundo, disse André, lembrando que o Estado tem 10 milhões de hectares para serem incorporados ao processo produtivo.

André destacou as vastas oportunidades na área da agroindústria, frisou o campo que se abre para o plantio de florestas e disse que na região de Corumbá, estão as maiores reservas minerais do Brasil. A 3ª maior reserva de minério de ferro (1,2 bilhão/t) e a 2ª maior reserva de manganês (84 milhões/t) do país, além de mármore, calcário e granito.

O etanol é a mais bem sucedida experiência comercial em combustíveis para mitigar o problema do aquecimento global. Comparado com a gasolina, o etanol reduz em mais de 80% a emissão de gases de efeito estufa.

Considerando que as perspectivas globais são animadoras, o governador anunciou que empresários estão levando para Mato Grosso do Sul nos próximos 2 anos, 43 plantas industriais de produção de álcool, açúcar e energia elétrica. Os investimentos chegam a 10 bilhões de dólares e vão aumentar a nossa produção do atual 1 bilhão de litros para 5,9 bilhões de litros de etanol, no período de 3 a 4 anos.

Nenhuma destas usinas está sendo instalada em biomas sensíveis, como a bacia hidrográfica do Pantanal. Todos estes empreendimentos vão usar apenas 6% das áreas hoje utilizadas para pastagens.

“Nós afirmamos com segurança, disse o governador, que Mato Grosso do Sul é o melhor lugar do Brasil para produzir etanol, açúcar e energia elétrica, tudo limpo, tudo verde”. O Governo de Mato Grosso do Sul acredita, apóia e é parceiro do empreendedor que venha promover o desenvolvimento econômico, com respeito à natureza, concluiu André Puccineli.

Com informações e foto de Rachid Waqued

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home