.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

sexta-feira, maio 16, 2008

Empresa portuguesa de geração de energia elétrica pretende investir no Estado

Rachid Waqued
recurso

Lisboa - A diretoria da EDP garantiu ao governador André Pucinelli em Lisboa, Portugal, que pretende investir em programas de co-geração de energia elétrica, geração hidráulica e implantação de linhas de transmissão. O diretor de empresa, Antonio Mexia, assinalou ao governador que tais investimentos somente serão comprometidos se não houver condições seguras de regulação ou variáveis políticas graves que prejudiquem a segurança dos investidores da empresa, uma das maiores de energia elétrica e gás da Europa.

Mexia disse ao governador que “tudo que está ficando caro no mundo o Brasil tem”, dando como exemplo as terras férteis para produzir alimentos, know-how para a produção de agroenergia e fontes de desenvolvimento energético que não comprometem o meio ambiente.

Durante o encontro com a diretoria da empresa, o governador apresentou dados do potencial hidráulico e de produção de energia de fontes térmicas, como a biomassa da cana, destacando que o Estado depende de investimentos públicos e privados nessa área para transformar sua matriz econômica.

O governador pontuou os principais projetos de desenvolvimento estratégico do Estado, ressaltando que espera a parceria da controladora da Enersul, nessa proposta que garante a geração de mais de 4 mil megawatts de energia elétrica de fonte hidráulica e térmica, que transforma o Mato Grosso do Sul de importador a exportador de energia elétrica. Com fartura de energia elétrica, o Estado atrairá novos empreendimentos industriais por ser uma região de alta confiabilidade energética.

Depois da audiência, o governador de Mato Grosso do Sul, juntamente com a secretária de Produção, Indústria, Comério e Turismo, visitaram o parque eólico de Óbidos, município onde a EDP desenvolve um dos mais avançados projetos do mundo de geração de energia elétrica com o uso da força do vento. Cada unidade geradora tem capacidade para 3 megawatts, com 3 mil horas de vento por ano.

Com informações de Rachid Waqued, do Notícias.ms.gov

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home