.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

sexta-feira, novembro 11, 2011

Fauzi Suleiman não paga conta e Prefeitura de Aquidauana é protestada

Para o vereador Wezer Lucarelli (PDT), trata-se de “caos administrativo”

Por Armando de Amorim Anache, da redação do Portal Pantanal News

O prefeito de Aquidauana, Fauzi Suleiman (PMDB), deixou de pagar e teve um título protestado, em nome da “Prefeitura Municipal de Aquidauana”, no valor de R$665,00. A dívida foi feita em 24 de outubro deste ano (data da emissão do título) e o vencimento deu-se em 31 de outubro. A empresa credora, Gerson M C Lopes ME – Miranáutica – é de Miranda (MS), 70 quilômetros a oeste de Aquidauana, onde Fauzi Suleiman é o ordenador de despesas da prefeitura.

Para o advogado e vereador de Aquidauana, Wezer Lucarelli (PDT), em entrevista ao Portal Pantanal News, “é a primeira vez, nos últimos dez anos, que vejo algo desse tipo acontecer no município; esse calote proporcionado pelo prefeito Fauzi Suleiman é uma vergonha e o povo desta terra não merece passar por essa situação.” Segundo Wezer Lucarelli, “esse caos administrativo que se instalou na Prefeitura de Aquidauana causa, com esse título de R$665,00 protestado publicamente, uma degradação moral; é preciso que o prefeito Suleiman pague, imediatamente, essa dívida, honrando o nome da nossa gente.” Lucarelli é o vereador responsável pelas denúncias que resultaram em pelo menos 31 inquéritos instaurados pelo Ministério Público contra a administração do prefeito Fauzi Suleiman, já afastado do cargo três vezes, por decisão judicial, no período de abril a julho deste ano.











O “Edital de Intimação”, do “Tabelionato do 1º Serviço de Registro Público de Protesto de Títulos Cambiais e Documentos de Dívidas”, foi publicado na página C10 dos Classificados, na edição Nº 18.247, ano 58, do jornal “Correio do Estado”, que circulou em 10 de novembro de 2011, de Campo Grande (MS), 135 quilômetros a leste de Aquidauana. Nele consta que “os títulos abaixo relacionados [entre eles está o da Prefeitura de Aquidauana, com o protocolo nº 022976-08/11/2011 – Veja reprodução publicada junto com esta notícia], cujos destinatários indicados para aceitar ou pagar não foram encontrados nos endereços indicados, se recusaram ao recebimento da intimação, são desconhecidos ou sua localização incerta, ignorada ou por residirem fora da competência territorial deste Serviço Notarial, até a presente data, 10/11/2011.”

Em Aquidauana, o Ministério Público requer, pela quarta vez, o afastamento do prefeito Fauzi Suleiman das suas funções. Ele é acusado de supostas irregularidades administrativas, em mais de 31 inquéritos instaurados pelo promotor José Maurício de Albuquerque. O juiz que decidirá se afastará ou não o prefeito é o titular da 2ª Vara Cível da Comarca de Aquidauana, José de Andrade Neto, que está em licença médica é só deverá retornar ao trabalho normal no dia 17 de novembro, conforme informações de funcionários do Judiciário local.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home