.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

quarta-feira, setembro 20, 2006

Claudionor assume governo e prevê interinidade tranqüila

Campo Grande (MS) – O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Claudionor Abss Duarte, assumiu hoje à tarde o cargo de governador do Estado prometendo interinidade “sem turbulências” e desejando boa sorte e felicidade ao titular Zeca do PT, que saiu em licença por onze dias para se dedicar à campanha eleitoral. A solenidade de transmissão do cargo ocorreu às 16 horas no Pleno do Tribunal, com a presença de dezenas de autoridades, familiares e amigos. Claudionor disse que estava muito sensibilizado e feliz, e que no curto período em que acumula o cargo de chefe do Executivo estadual vai procurar governar “com o amor que tenho por Mato Grosso do Sul”, mas sem perder “a noção de interinidade”. “Naturalmente que se precisar tomar alguma atitude, vamos tomar, mas vamos procurar tocar o Estado de forma burocrática.”
O governador em exercício provocou risos nos presentes ao lembrar que tanto ele quanto Zeca são nascidos na barranca do rio Paraguai, “mas o senhor é da margem esquerda e eu da margem direita do rio”. Zeca é natural de Porto Murtinho e Claudionor, de Albuquerque, distrito do município de Corumbá.
Discorrendo sobre o inesperado da situação, Claudionor encerrou seu discurso com versos do poeta Fernando Sabino: “Na vida temos três certezas: a certeza que precisamos começar, a certeza de que é preciso continuar, e a certeza de que podemos ser interrompidos antes de terminar. Fazer da interrupção um caminho novo, fazer da queda um passo de dança, fazer do medo uma escada, fazer do sonho uma ponte, fazer da procura um encontro.” Desejou ao governador licenciado “boa sorte e a vontade de que lute e seja feliz”.
O governador em exercício vai despachar todos os dias, no período matutino, no gabinete da Governadoria, e à tarde exerce as funções de presidente do Tribunal de Justiça, no Palácio da Justiça.
Fonte: APn, com foto de Everson Cabral

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home