.comment-link {margin-left:.6em;}

Blog do Armando Anache e "A luta de um repórter ..." http://aaanache.googlepages.com/home

"Tudo o que é verdade merece ser publicado, doa a quem doer" (Armando Anache) "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto" (Rui Barbosa) "Se pudesse decidir se devemos ter um governo sem jornais ou jornais sem governo, eu não vacilaria um instante em preferir o último" (Thomas Jefferson)

Minha foto
Nome:
Local: Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brazil

Jornalista (MTb 15083/93/39/RJ) formado pela PUC-RJ em 1987 e radialista (MTb 091/MS)- Produtor de programas de rádio e repórter desde 1975; cursou engenharia eletrônica na UGF (Universidade Gama Filho, RJ) em 1978; formado pelo CPOR-RJ (Centro de Preparação de Oficias da Reserva), 1979, é oficial R/2 da reserva da arma de Engenharia do Exército; fundador e monitor da rádio PUC-RJ, 1983; repórter e editor do Sistema Globo de Rádio no Rio de Janeiro (1985 a 1987); coordenador de jornalismo do Sistema Globo de Rádio no Nordeste, Recife, PE(1988/1989);repórter da rádio Clube de Corumbá, MS (1975 a 2000); correspondente, em emissoras afiliadas no Pantanal, da rádio Voz da América (Voice Of America), de Washington, DC; repórter da rádio Independente de Aquidauana, MS (www.pantanalnews.com.br/radioindependente), desde 1985; editor do site Pantanal News (www.pantanalnews.com.br) e CPN (Central Pantaneira de Notícias), desde 1998; no blog desde 15 de junho de 2005. E-mails: armando@pantanalnews.com.br ; armandoaanache@yahoo.com

terça-feira, junho 10, 2008

Herói da FEB morre em Campo Grande

O blog recebe e publica a notícia abaixo, enviada pelo comandante do 9º Batalhão de Engenharia de Combate, sediado em Aquidauana, 135 quilômetros a oeste de Campo Grande:


“Batalhão Carlos Camisão” está de luto pela perda de um dos heróis da Força Expedicionária Brasileira

Faleceu na madrugada de hoje, no Hospital Geral de Campo Grande, aos 91 anos, devido a falência múltipla de órgãos, o combatente da 2ª Guerra Mundial, Francisco Ferreira - campanha da Itália (1944-1945), que integrou 9° Batalhão de Engenharia de Combate – da FEB (Força Expedicionária Brasileira), primeira tropa brasileira a entrar em combate no front italiano, em 6 de setembro de 1944.

O Pracinha (como são chamados os combatentes da FEB) Francisco Ferreira integrou o 6º Pelotão, comandando pelo tenente Vinhaes, da 2ª Companhia de Engenharia de Combate, que era comandada pelo capitão Raul da Cruz Lima Junior, autor do livro "Quebra- Canelas", uma das mais importantes obras sobre a participação da Engenharia Militar Brasileira no Teatro de Operações Europeu, durante a Segunda Grande Guerra .

Lê-se, na página 166 do livro "Quebra-Canelas", que, por ocasião do ataque a Montese, “ . . . a 2ª Companhia de Engenharia permaneceu no ataque as 4 jornadas, acompanhando, com seu 6ºPelotão (tenente Vinhaes), a vida da 1ª Companhia de Infantaria que tomou Montese e consolidou sua captura, e a do 3º Batalhão, do 11.º regimento de Infantaria (. . .) Durante estas jornadas, por várias vezes, perdemos a ligação com essas unidades, desconhecendo seu destino, ante as incertezas e flutuações do combate. Parece impossível que, tendo passado por tantas peripécias, no trato das minas e sob pesados bombardeios, apenas tivemos feridos leves (. . .)

No 6º Pelotão, além do seu comandante, tenente Vinhaes (. . .) distinguiram-se: (. . .) o soldado Francisco Ferreira . . .”

Neste dia, a família enlutada perde um pai de família exemplar, cidadão honrado que teve uma profícua e longa vida de dedicação à família e à sociedade. O 9º BEC, o Exército Brasileiro e o Brasil perdem um herói, que contribuiu, com o seu sacrifício anônimo, na luta contra o totalitarismo, colaborando para um mundo mais justo e democrático.

À família do combatente da FEB, Francisco Ferreira, as condolências da sociedade aquidauanense e de seus irmãos de armas do 9º Batalhão de Engenharia de Combate.

A notícia é assinada pelo comandante do 9º Batalhão de Engenharia de Combate, tenente-coronel Abílio Sizino de Lima Filho

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home